EnglishFrenchGermanSpainItalianDutchRussianJapaneseChinese Simplified

 

sábado, dezembro 05, 2015

Brancos Açorianos " Frei Gigante 2014"


Apresentar alguns dos mais referenciados vinhos Açorianos tendo como cenário, as Sete Cidades, um dos locais,  mais encantadores e emblemáticos dos Açores era há muito meu intuito.

Apesar desta deslumbrante paisagem, da ilha de São Miguel, não ter propriamente relação direta com os vinhos aqui apresentados vem, como cenário, claramente dignificar esta bela montra de brancos açorianos.





(2º Lote  de brancos Açorianos de 2014)


Deste lote,  praticamente idêntico ao aqui apresentado o ano passado, colheita 2013, saiu aquele que, em minha opinião, é o branco Açoriano de 2014 com a a melhor relação qualidade/preço.

Um dos vinhos açorianos que maior consistência tem apresentado ao longo destes últimos anos, o Frei Gigante. Desde 2007 que o acompanho,  ano após ano, e lhe reconheço, praticamente em "quase" todas as suas colheitas, qualidades dignas de referência entre elas a sua belíssima capacidade de evolução em garrafa.

Tendo em conta que o mote deste artigo são os melhores brancos açorianos de 2014, não poderia deixar de aqui fazer uma breve referência aos recentes vinhos da Azores Wine Company. Vinhos que muito me agradaram e dos quais destaco o seu Arinto dos Açores 2014, talvez um dia, aqui no Lugar de Baco, como o vinho de 2014 da Azores Wine Company que, em minha opinião. mais se distinguiu.

Voltando ao protagonista deste post o Frei Gigantejá aqui, inúmeras vezes, apresentado, é dos dos brancos açorianos, que mais recomendo, este é, em minha opinião, uma escolha segura. Como reconhecimento cá está, novamente, agora na sua ultima versão,  2014.


Região (DOC): D / Castas: Arinto (90%), Verdelho e Tarrantez Produtor: Cooperativa Vitivinícola da Ilha do Pico / Enólogo: Maria Álvares  / Tipo: Branco / Ano: 2014 / Álcool: 13,5%. 


De tom amarelo citrino, nariz algo discreto onde a tropicalidade da fruta se insinua por delicadas notas a pêssego e ananás, embrenhado pela frescura de um tom levemente citrino. Na boca, mostra-se um branco cheio,  fresco e seco,  com uma excelente acidez a marcar-lhe a elegância e um fim de boca longo e persistente.

Penso que apenas me falta, uma vez mais, dar os parabéns à CVIP.


Nota Pessoal:16
Preço: €7 (Ref.)






Cooperativa Vitivinícola da Ilha do Pico
Avenida Padre Nunes da Rosa, 29
9950-302 Madalena
Tel: (+351) 292 622 262
E-mail: geral@picowines.net

1 comentário:

  1. Experimentei alguns dos açorianos quando estive em São Miguel, tendo me agradado bastante o Frei Gigante. O Atlantis também proporcionou bons momentos. Até o início dos preparativos da viagem, desconhecia haver vinhos em Açores. Grata surpresa. Espero um dia vê-los no Brasil.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...