EnglishFrenchGermanSpainItalianDutchRussianJapaneseChinese Simplified

 

1 de Março de 2012

Periquita (branco) 2011



Região: Península de Setúbal
Castas: Moscatel de Setúbal, Verdelho, Viognier e Viosinho
Produtor: José Maria da Fonseca
Enólogo: Domingos Soares Franco
Tipo: Branco
Ano: 2011
Álcool: 12,5%
  
Confesso que tenho boas recordações dos vinhos Periquita, a melhor de todas o seu tinto clássico de 1994. Enfim! Uma marca Portuguesa que faz parte da história viníca deste Pais. 

A primeira colheita deste branco, surge em 2006, mas só agora, com a colheita 2011, tive contacto com esta versão Periquita branco. Pelo que me constou, esta ultima colheita conta já, com algumas afinações, nomeadamente com a alteração das castas que o compõem. A saída do Arinto e a introdução  Verdelho, Viognier e Viosinho.

Contrariamente ao que tem vindo a ser habito por aqui, não vou tecer qualquer comentário sobre este produtor nem sobre o seu enólogo Domingos Soares Franco, por duas razões. Primeiro porque grande parte da informação poderá ser encontrada (aqui)e segundo porque alguns dos aspectos que  poderiam ter interesse em ser evidenciados estarão mais relacionados com outros vinhos.

Notas de Prova:

Um branco agradável, suave e despretensioso, são os termos que me apraz usar para caracterizar este vinho. Um vinho para ser bebido já, e a acompanhar algo leve como ele próprio. 

Aspecto amarelo citrino, levemente pálido. Aroma medianamente intenso, onde se evidenciam algumas notas cítricas ou a flor de laranjeira, que se combinam com notas subtis a pêssego ... Paladar suave com alguma evidencia cítrica, num conjunto equilibrado, num registo de média/baixa frescura (acidez/mineralidade), terminando como começou suave e agradável.  

Como sugestão, tenha umas garrafas no frio para ir bebericando quando o tempo teimar em aquecer.


Nota Pessoal: 15,0
Preço: €5,00 (Ref.)


PS. Amostras facultadas pelo produtor.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...