EnglishFrenchGermanSpainItalianDutchRussianJapaneseChinese Simplified

 

domingo, outubro 18, 2009

Diga? - 2008


Região : Bairrada
Castas : Viognier
Produtor : Manuel dos Santos Campolargo
Tipo : Branco
Ano : 2008
Álcool : 13%








Nota Introdutória:

Diga? – Branco de 2008, já algum tempo, não sei bem onde, tinha lido algo sobre anteriores colheitas, contudo e dado que os escritos são muitos, uns a falar bem os outros nem por isso, decidi provar esta colheita de 2008 e ver para que lado estavam a correr as modas. O que lhes posso dizer é que fiquei deveras surpreendido, este Branco da Bairrada está notório.

Aconselho a apressarem-se pois, pelo que pude constatar, foram muito poucas as garrafas disponibilizadas pelo produtor e este é um vinho, quanto a mim, a não perder.


Notas de Prova:

Aspecto: Límpido de cor amarelo palha. Aroma, algo frutado, com notas a alperce e leves nuances florais. Paladar: A confirmar-se a fruta, pêssego, boa estrutura, macio e encorpado quanto basta, a belíssima acidez suporta a frescura do conjunto, final sedutor.
  



Nota Pessoal : 17 (Prova a 16 de Out.)
Preço: €8,90 (Ref.)

4 comentários:

  1. Muito melhor que esse é o Frei Gigante...
    Amarra éssa!!!!

    ResponderEliminar
  2. São opiniões, mas o melhor será prová-lo primeiro.
    Este Diga? tem muito que se lhe diga.

    ResponderEliminar
  3. já provou MADRIGAL 2005???????.

    ResponderEliminar
  4. Meu caro Anónimo,

    Já provei o Madrigal (Viognier) da colheita de 2004, fi-lo por volta de 2007, apesar de não ter ficado com notas de prova, pois o local e ocasião não eram propícios para o efeito, ressalta-me à memória trata-se efectivamente de um grande vinho, para alem das de algumas notas que poderão de certa forma ser relembradas neste Diga?, provenientes da casta viognier , lembro-me relativamente bem que tinha um belo corpo e um fim de boca bastante persistente, contudo não nos podemos esquecer que se trata de um vinho de um patamar superior, o seu custo deverá rondar sensivelmente o dobro deste Diga?.

    Apesar de não se ter identificado, achei bastante interessante esta sua intervenção e até pertinente levando-me a comparar estes dois varietais da casta Viognier,

    Quanto ao Madrigal e apesar de não ter opinado sobre a colheita de 2005, espero que tenha sido claro quanto ao meu agrado pela sua colheita anterior, de momento pouco mais lhe posso adiantar, quem sabe talvez o faça com a colheita de 2007.

    Gostaria de lhe lembrar que este é um espaço aberto, precisamente para isto para trocarmos opiniões e divulgar-mos as pingas (as boas) que andamos ou pretendamos beber .

    Volte sempre, Bons Vinhos.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...